sábado, 15 de novembro de 2014

Sistema de VLT da Alstom inicia operação na primeira linha 100% sem catenária do mundo

No dia 11 de novembro, o Sheik Hamdan bin Mohammed bin Rashid Al Maktoum, Príncipe da Coroa e Presidente do Conselho Executivo, inaugurou o VLT de Dubai, na presença do Sheik Maktoum Bin Mohammed Bin Rashid Al Maktoum, Vice-Governador de Dubai, Vice-Presidente do Conselho Executivo e Sua Excelência Mattar Al Tayer, Presidente da Diretoria e Diretor Executivo da Roads and Transport Authority (RTA) e Henri Poupart-Lafarge, Presidente da Alstom Transporte. 


Esse projeto de sistema integral – que foi atribuído à Alstom¹ pela Dubai Roads and Transport Authority (RTA) – foi lançado para impulsionar o uso de transporte multimodal e reduzir o congestionamento e a poluição pelo tráfego. Esse primeiro VLT em toda a região do Golfo deve atender cerca de 27.000 passageiros por dia, e deve chegar a 66.000 até 2020.

Sua Excelência, Mattar Al Tayer, Presidente da Diretoria e Diretor Executivo da Roads and Transport Authority (RTA), afirmou: “o VLT de Dubai é uma criação de Sua Alteza, o Sheik Mohammed bin Rashid Al Maktoum, Vice-Presidente e Primeiro-Ministro dos EAU e Governador de Dubai, para fornecer um sistema de transporte avançado. Quando a RTA foi criada em 2005, Sua Alteza encomendou uma solução integrada e abrangente para a área a fim de acomodar os grandes projetos de urbanização na região, particularmente a área de JBR, Marina e Al Sufouh”.

“O VLT de Dubai, que temos o orgulho de entregar antes do prazo, ilustra a estratégia da Alstom de atender a todos os mercados com uma gama completa de soluções, enquanto demonstramos nossa posição de liderança nos sistemas VLT. Graças à próxima colaboração entre Alstom e RTA no projeto, os cidadãos de Dubai podem agora viajar a bordo de um dos VLTs mais sofisticados e confortáveis do mundo” afirmou Henri Poupart-Lafarge. 

O VLT de Dubai inclui várias revoluções tecnológicas da Alstom. É o primeiro VLT do mundo capaz de rodar a temperaturas de até 50°C e suportar condições climáticas extremas, como umidade e atmosfera arenosa. Equipado com um sistema de fornecimento de energia no nível do solo (APS), o sistema também é o primeiro do mundo a ser livre de catenárias em toda a linha, que tem 10,6 km de comprimento e 11 estações.

Essa tecnologia permite a integração perfeita do VLT à paisagem da cidade. Por fim, trata-se da primeira linha a ser equipada com estações com ar condicionado e portas de segurança de plataforma automáticas.

O VLT de Dubai oferece conforto sofisticado. O VLT Citadis tem 44 metros de comprimento e pode acomodar 408 passageiros em classes “ouro”, “prata” e “mulheres e crianças”. O VLT é equipado com informações para passageiros em tempo real e transmissões de vídeo. Para melhor refletir a imagem da cidade, o VLT Citadis de Dubai tem um diferenciado formato de diamante na frente.

O VLT de Dubai é o oitavo sistema entregue pela Alstom em uma década. Com sete outros em implementação no mundo, incluindo o VLT de Lusail, no Qatar, a Alstom é líder mundial em sistemas de VLT.

1. Para o fornecimento de 11 Citadis, disposição de trilhos, rede e subestações de energia, solução de sinalização Urbalis, sistemas de comunicação e segurança, centro de controle de operações integrado, portas de segurança nas plataformas, sinalização de pista, sistema de bilhetagem e 13 anos de manutenção.  Fonte: Alstom
_____________________Revista Eletrônica Transportes Sobre Trilhos - O Futuro da Mobilidade - RETT_____________________
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...