segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Alstom entrega o primeiro Citadis transfronteiriço entre Estrasburgo e Kehl

Alstom entregou o primeiro dos novos VLTs Citadis para Estrasburgo, menos de dois anos após a assinatura com a empresa de transporte Strasbourg CTS (Compagnie des Transports Strasbourgeois) para o fornecimento de 50 bondes. A primeira parte deste acordo diz respeito a um pedido de 12 bondes, um total no valor de 41 milhões de euros. O primeiro bonde vai agora começar o ensaio dinâmico na via, e, seguida 11 Citadis deverão ser entregues até maio de 2017.


Os bondes serão adicionados à frota existente de CTS como parte das extensões de linhas A e D. Na linha D eles vão correr todo o caminho para Kehl, na Alemanha. Entrada em serviço comercial está prevista para o próximo mês de Abril. Este será o primeiro bonde saindo da França para atravessar a fronteira.

" A Alstom tem orgulho de ajudar a articular-se Kehl a Estrasburgo, a criação de um único vínculo de amizade entre as duas cidades. Os bondes da gama Citadis, que foram adotados por 54 cidades em todo o mundo, combinar o uso de tecnologia comprovada e modularidade em termos de disposição de combinar a confiabilidade, conforto e personalização ", disse Jean-Baptiste Eymeoud, Presidente da Alstom na França.

Os VLTs Citadis em Estrasburgo serão os primeiros bondes aprovados pelos regulamentos BOStrab federais alemãs que cobrem a construção e operação de bondes na Alemanha. Os bondes tem 45 metros de comprimento e tem capacidade para 288 passageiros. Eles são equipados com iluminação LED e portas de vidro cheios para aumentar a sensação de conforto e segurança dos passageiros. Em linha com PRM (Pessoas com Mobilidade Reduzida) regulamentos, os trens são equipados com maçanetas de fácil acesso, estão mais amplos as áreas especialmente reservadas para cadeiras de rodas e passageiros com carrinhos de criança.

Os bondes são em grande parte fabricados na França: La Rochelle (para a concepção e montagem dos bondes), Ornans (para a concepção e fabrico de motores), Le Creusot (bogies para os módulos intermédios), Tarbes (cadeias de tracção), Villeurbanne (equipamentos eletrônicos) e Saint-Ouen (o design). O site Salzgitter, na Alemanha fornecerá os bogies localizados abaixo das cabines de motorista.

Até à data, mais de 2300 Citadis foram encomendados por 54 cidades em todo o mundo, a primeira das quais estão em funcionamento desde 2000. Fonte : Alstom
_____________________Revista Eletrônica Transportes Sobre Trilhos - O Futuro da Mobilidade - RETT_____________________
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...