domingo, 11 de dezembro de 2011

Conheça a nova composição do Metrô do Rio de Janeiro

Trilhos do Futuro, conheça os vagões chineses que estão sendo comprados pelo Metrô Rio. Na maior fábrica de trens de alumínio do mundo, na China, estão sendo construindo os novos trens de metrô que operará no Rio de Janeiro.



Lá estão sendo fabricadas as novas composições, aparentemente mais espaçosas e com mapas de sinalização óticas da real localização da composição, que vão facilitar o usuário. 


SuperVia inicia Testes no novo Trem

Começaram nesta sexta-feira (09.12) os testes dinâmicos com o primeiro dos 30 trens chineses comprados pelo Governo do Estado, que serão incorporados à atual frota da SuperVia. As primeiras viagens da composição aconteceram entre Queimados e Japeri.
Em dezembro entrará em operação ainda o primeiro trem modernizado pela concessionária. A reforma soma-se ao total de 73 composições que, através de um investimento de R$ 230 milhões, começam a ser equipados com ar condicionado, novos equipamentos mecânicos e interiores mais modernos e confortáveis.
Até o final do primeiro trimestre de 2012 deverão se incorporados à frota mais 17 trens com ar-condicionado, entre chineses e reformados. A previsão é de que, em março, oito trens chineses e nove modernizados, todos com ar-condicionado, já estejam em operação. Os novos trens chineses e os trens modernizados fazem parte de um investimentos de R$2,4 bilhões, que inclui a renovação de toda a frota.


Esta é uma grande vitória para o setor de transportes públicos do Rio. A população do Rio merece esta nova frota que começa e ser incorporada ao nosso sistema ferroviário urbano. Estas novas composições vão garantir uma redução média de idade da frota de 35 para 16 anos.  Até a Copa do Mundo de 2014 teremos uma frota totalmente composta por trens modernos e equipados com ar condicionado – afirma o secretário de Transportes, Julio Lopes.
O primeiro trem chinês foi entregue em setembro, no prazo previsto pelo cronograma, e desde então passava por testes estáticos, na oficina de Deodoro.