segunda-feira, 8 de julho de 2019

Desguarnecedora de Ombro de Lastro

A água represada no lastro diminui a mecânica interligadas necessárias, o que provoca uma perda de lastro e força o subleito. Essa perda de força deteriora a geometria da via, cria massa, e solta fixadores. O excesso de água também leva a deterioração prematura deixa a via vulnerável a geada se ergue em clima frio. A Desguarnecedora de Ombro de Lastro faz a limpeza quebra bolsões de lama e libera a água retida para restaurar a drenagem. Estende-se tonelagem entre pavimentação e ciclos de sub cotação, estende lastro e aumenta a vida útil e reduz as ocorrências de suspiros de congelamento e ou bolsões de água e lama. Fonte: Via Rail



domingo, 7 de julho de 2019

Metrô de New York - Bombardier

Estes carros fabricados pela Bombardier, ganharam a reputação de serem confortáveis, eficiente e altamente confiável, com um registro que excede consistentemente as expectativas dos clientes. Os carros R142, que são personalizadas com as especificações New York City Transit, representam alguns dos mais avançados sistemas em serviço para a propulsão AC e freio dinâmico, freios de atrito, portas, e de diagnóstico a bordo, de status e sistemas de comunicação. Os carros também apresentam avanços em conforto e segurança dos passageiros, tais como sinalização digital eletrônica, um sistema de anúncio público automático, um sistema de intercomunicação de passageiros de emergência ligada ao operador, e um sistema de controle do clima sofisticado. Fonte: Bombardier





segunda-feira, 1 de julho de 2019

Trem movido a ar pressurizado - Conheça o funcionamento

A primeira aplicação do Sistema Aeromovel voltado para o trânsito urbano é um projeto da cidade de Canoas, Região Metropolitana de Porto Alegre, no Sul do Brasil, servindo como um complemento importante combinado a outros modais de transporte. Enquanto o Aeromovel percorre um trajeto de norte a sul (e sentido inverso), ele se complementa com o trem metropolitano, que tem um percurso de leste a oeste (e sentido inverso). Com sua implementação, se tornará o principal meio de transporte da cidade. Contratado em 2015, o Sistema faz parte de um plano de reformulação do trânsito de Canoas.


Com a implantação da tecnologia, haverá uma redução considerável no tempo de viagem entre os bairros Guajuviras e Centro, levando apenas nove minutos. Atualmente, este mesmo percurso, de ônibus, demora até 40 minutos nos horários de pico.

TRAJETO DAS LINHAS

O Aeromovel em Canoas prevê um trajeto que, ao todo, terá 18 quilômetros de linhas, passando por 26 estações. A capacidade prevista é para até 12 mil passageiros por hora no pico e 82 mil por dia.

O projeto prevê a construção de duas grandes linhas: a Linha Leste-Oeste terá 12 quilômetros de extensão e 17 estações. A Linha Norte-Centro, por sua vez, prevê conectar a Universidade Luterana do Brasil (Ulbra) ao centro da cidade, com nove estações e seis quilômetros de extensão.

O primeiro trajeto, em obras, terá 4,6 quilômetros e contemplará sete estações, desde a Brigada Militar, na Avenida 17 de Abril, Bairro Guajuviras, até a estação de trem Mathias Velho. Fonte: Aeromóvel Projeto Canoas



TABELA ESPECÍFICA DA
LINHA 1 (EM OBRAS)

Extensão da Linha: 4,6 km
Raio mínimo: 40 m
Rampa máxima: 3,0%
Veículos/Capacidade: 6 veículos/300 pessoas cada
Velocidade máxima: 65 km/h
Propulsão: 6 propulsores
de 500 kW cada
Configuração da via: Pista dupla
Número de estações: 7


MOVIDO A AR



1 - Ventiladores estacionários

2 - Placa de propulsão

A tecnologia é baseada na propulsão pneumática – o ar é pressurizado por ventiladores estacionários de alta eficiência energética, por intermédio de um duto localizado dentro da via elevada. O ar empurra ou puxa uma placa de propulsão fixada ao veículo, que se movimenta por truque (plataforma sobre rodas de aço) em trilhos.




Aplicações do Sistema

Tecnologia flexível em mobilidade


O Sistema Aeromovel enquadra-se em uma ampla categoria, chamada Automated Guideway System, também conhecida como Automated Transit System(ATS), referente aos sistemas de transporte de passageiros guiados de forma totalmente automática em via exclusiva. Assim sendo, o Aeromovel atende desde demandas de transporte urbano de massa - em configurações típicas de via elevada dupla, com manobra em terminais com desvios -, até sistemas menores. Alguns tipos de aplicações são: configuração de anel (loop), vai-e-vem (shuttle), shuttle duplo, distâncias, pista dupla, entre outros. Há uma importante subclasse dos sistemas AGT/ATS, conhecida como Automated People Mover (APM). Os people movers são amplamente conhecidos por sua mais notória aplicação em aeroportos.



Manutenção e inovações

Forte interesse pelas vantagens do APT 1500 R Robô de solda ferroviário totalmente automático. Os representantes presentes dos departamentos de soldagem de DB-Netz e DB-Bahnbaugruppe mostraram um total de 66 soldas de alta qualidade. 


O robô atuou em uma seção de 5,8 km de comprimento, enquanto equalizou a temperatura ao mesmo tempo. Um total de 52 soldas ferroviárias e 14 soldas de encerramento foram realizadas. A solda de fechamento é uma característica firme do robô de solda recém desenvolvido. O trilho de dispositivo de tracção com uma força de tracção de 1500 kN está integrado na cabeça de soldadura da APT 1500 RA.

O robô de solda trabalha de forma totalmente automática, sem intervenção manual. Os trilhos a serem soldados são levantados automaticamente para a cabeça de soldadura, colocado em posição com a ajuda da centragem automática de altura e funcionando de alinhamento da borda. Todo o processo de soldagem é supervisionada constantemente por um sistema de medições especiais. Fonte: DB


quinta-feira, 20 de junho de 2019

Estação Roma Areeiro - Lisboa

Situada entre a Avenida de Roma e a Avenida Almirante Reis, a estação Roma-Areeiro disponibiliza um variadíssimo leque de destinos. Além de poder optar por se deslocar para duas zonas bem distintas e nobres da cidade de lisboa, pode também escolher por viajar até Sintra ou até mesmo atravessar o rio e ir até à margem Sul viajando com a Fertagus.


Esta estação apesar de não ter ligação direta ao Metro de Lisboa tem acessos muito próximos à estação de Metro de Roma e do Areeiro da linha verde. Inaugurada em 2003, com a abertura da estação de Roma-Areeiro a Fertagus pode assim, expandir seu serviço, estando cada vez mais perto dos seus clientes. Esta é uma estação explorada pela REFER, onde poderá encontrar uma área comercial e poderá ver algumas obras do escultor Fernando Conduta no interior e exterior da estação. Fonte: Fertagus Foto: Silvério Borges